343 Está "Fazendo um Grande Progresso" com Halo Infinite, diz Chefe do Estúdio

343 Está “Fazendo um Grande Progresso” com Halo Infinite, diz Chefe do Estúdio

As imagens do jogo Halo Infinite provaram ser sem brilho para um grande número de fãs que aguardava. Em resposta às reclamações gráficas, a 343 Industries começou a trabalhar na otimização de seu jogo para jogadores de próxima geração, atrasando o jogo para o ano de 2021. Neill Harrison, diretor de gestão de arte da 343, afirmou “Muito do feedback que ouvimos da comunidade alinhado com nossas próprias opiniões e trabalho que já estávamos comprometidos em fazer em torno de coisas como iluminação indireta, resposta de material, folhagens e árvores, nuvens, transições de nível de detalhe e fidelidade de personagem”. Ele prosseguiu, dizendo que “o feedback foi humilhante e também nos levou a buscar oportunidades adicionais de melhoria”.

A diretora do estúdio 343 Industries, Bonnie Ross, acrescentou que o atraso vale a pena em uma postagem do blog de férias publicada no site do Halo Waypoint, “Sei que a espera tem sido difícil e garanto que a equipe quer o jogo em suas mãos o mais rápido possível, mas eles também querem oferecer algo especial… o jogo Halo que você merece… a equipe está fazendo um progresso tremendo e está MUITO ansiosa para mostrar mais para você.”

Esperamos que o atraso de um ano dê a 343 Industries tempo suficiente para ajustar o visual e deixar o jogo pronto para o lançamento em 2021.

Entusiasta do mundo dos games desde muito cedo, iniciou sua jornada muito jovem já salvando o mundo de um apocalipse zumbi, depois disso voltou no tempo para resgatar princesas e combater vilões amórficos. Sempre teve como sonho trabalhar com games, seja na criação, desenvolvimento, ou, neste caso, falando sobre eles. Hoje é fundador e administrador do Games Alheios.

Afonso Baldez

Entusiasta do mundo dos games desde muito cedo, iniciou sua jornada muito jovem já salvando o mundo de um apocalipse zumbi, depois disso voltou no tempo para resgatar princesas e combater vilões amórficos. Sempre teve como sonho trabalhar com games, seja na criação, desenvolvimento, ou, neste caso, falando sobre eles. Hoje é fundador e administrador do Games Alheios.