The Ramp Oferece uma Abordagem Minimalista e Relaxante Para Jogos de Skate

Apesar do que muitos jogos de skate querem fazer você acreditar, o esporte real não é só coletar letras flutuantes, acumular pontos com um sistema de combinação invisível ou saltar sobre anéis de fogo e outras acrobacias absurdas. É apenas seguir com o fluxo e aproveitar o passeio. The Ramp, um novo título de skate que chegará em agosto, oferece uma visão simples do gênero que se concentra na pureza e na diversão inerentes ao skate.

The Ramp é descrito como um “brinquedo digital de skate” pelo criador e único desenvolvedor Paul “Hyperparadise” Schnepf. Suba em sua prancha e faça manobras enquanto relaxa com uma trilha sonora descontraída e uma atmosfera geral relaxante. Não há nada para desbloquear, você não está sendo pontuado e, acredite ou não, você não mata nada (exceto, talvez, qualquer estresse que esteja carregando). Apenas abrande e desfrute da direção de arte calma e animações suaves. Hyperparadise descreve a jogabilidade de The Ramp como fácil de entender, mas difícil de dominar, e o jogo apresenta quatro níveis: um half-pipe, uma piscina vazia, uma tigela de skate e, de acordo com o título, uma rampa elevada.

Se The Ramp é complemento perfeito para os jogos de skate baseados em desafios que você está jogando, você pode adquiri-lo na Steam quando for lançado no dia 3 de agosto.

Entusiasta do mundo dos games desde muito cedo, iniciou sua jornada muito jovem já salvando o mundo de um apocalipse zumbi, depois disso voltou no tempo para resgatar princesas e combater vilões amórficos. Sempre teve como sonho trabalhar com games, seja na criação, desenvolvimento, ou, neste caso, falando sobre eles. Hoje é fundador e administrador do Games Alheios.

Afonso Baldez

Entusiasta do mundo dos games desde muito cedo, iniciou sua jornada muito jovem já salvando o mundo de um apocalipse zumbi, depois disso voltou no tempo para resgatar princesas e combater vilões amórficos. Sempre teve como sonho trabalhar com games, seja na criação, desenvolvimento, ou, neste caso, falando sobre eles. Hoje é fundador e administrador do Games Alheios.